Construtora aposta em imóveis para a terceira idade

Construtora aposta em imóveis para a terceira idade

A expectativa de vida dos brasileiros só cresce e o público da terceira idade ganha cada vez mais espaço no mercado imobiliário. São 23 milhões de pessoas acima de 60 anos, o que corresponde a 12,5% da população. E, conforme o mais recente Relatório Mundial de Saúde e Envelhecimento, da Organização Mundial da Saúde (OMS), o número vai quase triplicar no Brasil até 2050.
Esse aumento vem provocando impacto na dinâmica do mercado imobiliário que começa a voltar os olhos para esse segmento de consumidores em potencial e que apresenta demandas bem específicas. Uma delas é a necessidade de imóveis adaptados e seguros.
Atenta a esse público, a M Santos Construtora e Incorporadora apostou no segmento. O Residencial Vista da Fonte, empreendimento que está sendo erguido em Santa Cecília, Vitória, vai dispor de unidades destinadas à Terceira Idade e portadores de necessidades especiais.
O arquiteto Rodrigo Prest desenvolveu uma opção de planta tipo loft para garantir ao morador total independência em seu apartamento, com opções de unidades de dois quartos e três quartos, com aproximadamente 60 m² e 120 m².
Para isso, o projeto prevê a eliminação de obstáculos para permitir fácil acesso a todos os ambientes. A cozinha ganha uma ilha para cooktop. O amplo banheiro é equipado com barras de acessibilidade e, no chuveiro, há barras de apoio e banco de transferência retrátil. Além disso, segundo a responsável pelo setor de projetos da M Santos, a arquiteta Bruna Arantes Schirmer, todas as áreas comuns do Vista da Fonte vão ser adaptadas para pessoas com deficiência e dificuldade de locomoção.

Acessibilidade ao lazer

Um dos atrativos é o lazer na cobertura. Haverá uma cadeira de acessibilidade para conduzir o morador ao interior da piscina. O equipamento automatizado é um auxílio a quem não consegue usar a escada, por exemplo.
Completam o espaço sauna, academia, Praça dos Encontros, Espaço gourmet e terraço descoberto, que permitirá contemplar o cenário ao redor. Playground e salão de festas ficarão no pilotis. No total, serão mais de 350 metros quadrados destinados aos itens de lazer.

Fonte: obra24horas

Notícias Relacionadas

Como recuperar obras com problema estrutural?

 

Os síndicos de condomínios ou proprietários de casas,...

Ler mais >>
Critérios para escolha do sistema de estruturas de concreto armado

A escolha de equipamentos deve se basear em critérios...

Ler mais >>
Cenário está mais otimista para a construção, diz CNI

 

Pesquisa da Confederação Nacional da Indústria mostra que...

Ler mais >>